Detentos terão acesso a qualificação profissional em presídios do Paraná

19 de fevereiro de 2021
Aroldo Martins - UNP

O deputado federal Aroldo Martins (Republicanos) prestigiou, na manhã desta sexta-feira (19), assinatura de convênio que vai beneficiar presidiários de penitenciárias do Paraná com Programa de Cursos de Qualificação Profissional.

O convênio foi celebrado entre a Secretaria de Estado Da Segurança Pública – SESP, com a interveniência do Departamento Penitenciário – DEPEN, e as Faculdades Fan Padrão, com apoio da Universal Nos Presídios (UNP – projeto desenvolvido pela Igreja Universal nos presídios brasileiros, representado no Paraná pelo Bispo José Manoel Gonzales).

Aroldo Martins é forte apoiador do projeto e fomentador do convênio. “Sabemos que mais cedo ou tarde, o presidiário ou melhor dizendo, o reeducando, é devolvido para a sociedade. Essas pessoas precisam ter a oportunidade de se reeducarem, estudar, aprender uma profissão e quando saírem da prisão terem chances verdadeiras de viver sem reincidir no crime”, salientou o deputado.

Para o representante do UNP-Paraná, o novo convênio representa uma vitória para a humanização dos presídios. “O convênio é a resposta para um grande anseio daqueles que querem reconstruir suas vidas fora do crime, com apoio espiritual e uma profissão”, reforçou o Bp José Manoel Gonzales.

Pelo convênio, a Plataforma FANDUCA, irá disponibilizar 3.000 vagas anuais durante 5 anos a Pessoas Privadas de Liberdade -PPL, nos estabelecimentos penais que possuem Telecentros, em todo o estado do Paraná. Para os demais serão disponibilizados Cursos Livres de Qualificação Profissional de forma presencial.

Participaram do evento o deputado estadual Alexandre Amaro (Republicanos), o secretário de Estado da Segurança Pública, Sr. Rômulo Marinho Soares, o diretor do Departamento Penitenciário, Sr. Francisco Alberto Caricati, entre outras autoridades.

Texto Márcia Caetano

Assuntos Relacionados

CategoriasNotícias

Tags » » »